Serviços

  • – Anatomopatológico de biópsias e peças cirúrgicas
  • – Apoio a testes de biologia molecular e perfil genético dos tumores
  • – Apoio científico aos médicos solicitantes e ao paciente
  • – Captura híbrida para HPV
  • – Citologia convencional e em Meio Líquido
  • – Citometria de Fluxo
  • – Consultoria em Patologia
  • – Exame Peroperatório
  • – Exames de colorações especiais
  • – Exames Imunohistoquímicos
  • – Hibridização In Situ
  • – Imunofluorescência
  • – Serviço de hematologia especializada: coleta de medula óssea, mielograma e leitura do mielograma

Guia Para Fixação De Tecidos

  1. Os espécimes devem ser imersos em fixadores dentro de no máximo 1 hora após o procedimento de biópsia ou ressecção.
  2. O fixador ideal é formalina tamponada à 10%.
  3. O volume do fixador deve ser pelo menos 10 vezes o volume do espécime.
  4. Soluções descalcificadores com ácidos fortes não devem ser usadas.
  5. Se a entrega do espécime ao Laboratório de Patologia for demorada, o tecido deve ser seccionado antes da imersão no fixador. Em tais casos, é importante que o cirurgião certifique-se de que a identidade das margens de ressecção seja mantida no espécime dividido; alternativamente as margens podem ser submetidas separadamente.
  6. A hora da remoção do tecido e a hora da imersão no fixador devem ser registradas e enviadas ao laboratório responsável pelo processamento.
  7. Para melhores resultados em testes de imuno-histoquímica e moleculares (FISH, PCR etc.), recomenda-se fixação do material por no mínimo 6h e no máximo 72h em formalina tamponada neutra a 10%.

Nota 1:Espécimes sujeitos aos testes de imuno-histoquímica para marcadores preditivos (HER2, RE e RP) devem ser fixados em formalina tamponada à 10% por pelo menos 6 horas, com no máximo 48 horas para HER2 e 72 horas para RE/RP.

Nota 2:Qualquer dúvida entra em contato com o Pathus Laboratório através do telefone (85)3207-9393.

Lista de Anticorpos

MARCADOR APLICAÇÃO DIAGNÓSTICA
ACTH (Adenocorticotropina) Grupo de tumores de hipófise
ACTINA MUSCULAR ALFA(SMA-1A4 Diferenciação muscular lisa (leiomiossarcomas, miofibroblastos e células mioepiteliais)
ACTINA MÚSCULO-ESPECÍFICA(HHF-35) Diferenciação muscular lisa e esquelética (leiomiossarcomas, rabdomiossarcomas, miofibroblastos, células mioepiteliais).
AFP (Alfa-fetoproteína) Tumor do seio endodérmico, carcinoma hepatocelular.
Alfa-INIBINA Tumores de células da granulosa; tumores da cotex adrenal
ALK(p80) (CD246) Linfoma anaplásico de grandes células CD30- positivo
ALK D5F3 Rearranjo do gene ALK em carcinoma de pulmão
AMILOIDE A Subtipo de amiloide.
ATRX ATRX (alpha-thalassemia/mental retardation syndrome X-limked), diferencial entre astrocitoma e oliodendroglioma
BCL-2 Distinção entre linfoma folícular e hiperplasia linfóide folicular reativa.
BCL-6 Células centro-foliculares; linfoma folicular
Ber-EP4(Glicoproteína epitelial) Subgrupo de células com diferenciação epitelial; negativa em mesoteliomas.
BETA CATENINA Fibromatose tipo desmoide.
Beta HCG (Gonadotrofina coriônica) Trofoblastos e cariocarcinoma.
BOB-1 Fator de transcrição; proteína associada a linfoma B.
CA125 Carcinoma seroso do ovário.
CA19.9 Adenocarcinoma pancreático.
CALCITONINA Células C da tireóide, carcinoma medular da tireóide.
CALDESMONINA Distinção entre tumores do estroma endometrial e tumores com diferenciação de musculatura lisa.
CALPONINA Marcador mioepitelial; diagnóstico diferencial entre carcinoma de mama in situ vs carcinoma infiltrativo, carcinoma papilifero vs papiloma
CALRETININA Mesotelioma; tumores de células de Sertoli-Leydig.
CD10 (CALLA) Subgrupo de linfomas (linfoma folicular) e carcinomas (carcinoma de células renais).
CD123 (IL-3 RECEPTOR DE CADEIA ALFA) Diferenciação de neoplasia de célula dendrítica plasmocitóides de outras neoplasias hematolinfoídes.
CD138 Plasmócitos e mieloma múltiplo (plasmocitomal).
CD15 Células de Reed-Sternberg do linfoma de Hodgkin, neutrófilos e alguns adenocarcinomas.
CD1A Células de Langerhans; histiocitose de células de Langerhans (histiocitose X)
CD20 Linfomas de células B
CD21 Tumores de células B e células dentríticas foliculares; sarcoma de células foliculares dentríticas.
CD23 Linfoma linfocítico de pequenas células B/leucemia linfocítica crônica.
CD3 Linfócitos T maduros; linfoma de células T.
CD30 Linfoma de Hodgkin; linfoma de grandes células anaplásicas CD30- positivo e carcinomas embrionários.
CD31 Células endoteliais/ tumores; angiossarcoma; sarcoma de Kaposi
CD34 Células endoteliais/ tumores; angiossarcoma; stem cell (síndrome mielodisplásica) e grupo de tumores mesenquimais; tumor fibroso solitário.
CD4 População de linfócitos T; micose fungoide.
CD43 Linfócitos T, macrófagos e leucemias; frequentemente co-expressão em linfomas de células B, principalmente linfomas B de baixo grau.
CD45 Marcador de linfócitos e processos hematolinfoides.
CD45-RO Linfócitos T, macrófagos, e células precursoras granulocíticas.
CD5 Linfócitos T; células da zona do manto; linfoma linfocítico de pequenas células B/ leucemia linfocítica crônica.
CD56 Células natural killer (NK); linfomas de células NK; tumores neurais.
CD57 Tumores de bainha nervosa; marcador de linfoma de Hodgkin predominância linfocítica.
CD61 Megacariócitos
CD68 Marcador de macrófagos; sarcoma histiocítico.
CD7 Linfomas T em geral.
CD79A Linfomas de células B.
CD8 População de linfócitos T; micose fungóide.
CD99 Sarcoma de Ewing/ Tumor neuroectodérmico primitivo (PNET); linfome linfoblástico.
CDK4 Lipossarcoma bem diferenciado; lipossarcoma dediferenciado
CDX2 Fator de transcriçao intestinal; adenocarcinoma colorretal e subconjunto de adenocarcinoma de TGL.
CICLINA D1 (SP4) Linfoma de células do manto
CITOCERATINA COCKTAIL (AE1/AE3) Células epiteliais e carcinomas em geral.
CITOCERATINA 14 Carcinomas de células escamosas; células de Hurtle.
CITOCERATINA 19 Subgrupo de carcinomas.
CITOCERATINA 20 Adenocarcinomas gastrointestinais (coloretal); carcinomas de células transicionais; carcinomas de células de Merkel.
CITOCERATINA 5/6 Carcinoma escamoso, mesotelioma, carcinoma de células transicionais.
CITOCERATINA 7 Subgrupo de carcinomas.
CITOCERATINA 8 Carcinomas não-escamosos; adenocarcinomas em geral.
CITOCERATINA ALTO PM (34βE12) Carcinoma de células escamosas, células basais de próstata.
CK8/18 Carcinomas de epitelios simples
c-KIT (CD117) Tumor gastrointestinal estromal (GIST); mastocitose, seminoma.
CMV (Citomegalovírus) Detecçao do citomegalovírus (CMV).
c-MYC Superexpressão associada a translocação cromossomica que envolve o cromossomo 8.
COX-2 Fator preditivo de resposta terapêutica.
CROMOGRANINA A Diferenciaçao neuroendócrina; carcinoma neuroendócrino, neuroblastoma.
DESMINA Tumores de muscultura lisa e esquelética; leiomiossarcomas, rabdomiossarcomas.
DOG-1 Tumor estromal gastrointestinal
EBV LMP-1 Proteína latente de membrana do vírus de Epstein-Barr (EBV); linfoma de Hodgkin, carcinoma linfoepitelioma-like.
E-CADERINA Positivo em carcinomas ductais de mama, negativo nos carcinomas lobulares.
EGFR Receptor para fator de crescimento epidérmico (HER-1); fator prognóstico/preditivo em determinados carcinomas (pulmão).
EMA (antígeno de membrana epitelial) Subgrupo de carcinomas, meningiomas e linfoma anaplásico de grandes células CD30-positivo; sarcoma sinovial.
ENOLASE (NSE) Enolase neurônio-específica (NSE), tumores neuroendócrinos.
ERG Neoplasia vascular e adenocarcinoma de próstata.
FATOR VIII (Fator de von Willebrand) Antígeno relacionado ao fator VIII; células endoteliais e megacariócitos, angiossarcomas.
FATOR XIIIA Dendrócitos dérmicos; dermatofibroma.
FLI-1 Marcador para presença do produto de fusão EWS-FLI-1, decorrente da t(11;22) (q24;q12) sarcoma de Ewing/PNET.
FSH hormônio folículo estimulante) Grupo de tumores de hipófise
GALECTINA Carcinoma folicular da tireóide
GASTRINA Grupo de tumores de células de ilhotas pancreáticas; gastrinomas
GATA-3 Carcinoma urotelial, carcinoma de mama.
GCDFP-15 (mama 2) Carcinomas de mama, glândulas salivares e sudoríparas.
GFAP (Proteína acídica fibrilar glial) Gliomas.
GH (Hormônio do crescimento) Grupo de tumores de hipófise
GLICOFORINA Identificação de elementos eritroídes
GLIPICAN-3 Tumor do seio endodérmico; hepatocarcinoma.
GP100 (HMB-45) Melanomas; angiomiolipomas; linfangioleiomiomatose.
GRANZIMA B Linfoma anaplásico de grandes células CD30-positivo; linfoma T subcutâneo paniculítico-like.
HBc (core do vírus da hepatite B Detecção do vírus da hepatite B.
HBME-1 Carcinoma folicular da tireóide.
HBs (superficie do vírus da hepatite B Detecção do vírus da hepatite B
HEPATOCYTE Carcinoma hepatocelulares e hepatóides; subgrupo de adenocarcinomas gástricos.
HERPESVÍRUS I E II Detecção de herpesvírus I e II (HSV-1 e HSV-2
HHV-8/KSHV Detecção do herpesvírus humano tipo-8/ vírus associado ao sarcoma de Kaposi e linfomas associados ao HIV.
IDH1 Células com mutaçao do gene IDH1
INSULINA Grupo de tumores de ilhotas pancreáticas.
INI1 Tumor rabdoíde, sarcoma epitelóide, teratóide rabdoíde maligno.
INIBINA
KAPPA (cadeia leve imunpglobulina) Mieloma múltiplo/plasmocitomas e alguns linfomas de células B com diferenciação plasmocitóide.
Ki-67 (MIB1) Marcador de proliferação celular (células em fases não-GO)
LAMBDA (cadeia leve de imunoglobulina) Mieloma múltiplo/plasmocitomas e alguns linfomas de células B com diferenciação plasmocitóide.
LEF-1 Leucemia linfoide crônica/linfoma linfocítico (LLC).
LEUCEMIA DE CÉLULAS PILOSAS (DBA.44) Leucemia de células pilosas; subconjunto de linfomas B.
LH (Hormônio luteinizante) Grupo de tumores de hipófise
LISOZIMA Granulócitos e histiócitos; marcador de leucemias mieloides.
MACROFAGO ED-1 (CD68) Sarcoma histiocítico, neoplasja histiocitárias
MAMOGLOBINA Carcinoma de mama
MART-1 (MELAN A) Melanoma; córtex adrenal e tumores de estroma ovariano.
MDM2 Lipossarcoma bem diferenciado esclerosante; lipossarcoma diferenciado.
MELANOMA (PNL2) Lipossarcoma bem diferenciado; esclerosante; lipossarcoma diferenciado.
MIELOPEROXIDASE Granulócitos e histiócitos; marcador de leucemias.
MIOGENINA Rabdomiossarcoma
MLH-1 (Instabilidade de Microsatélite) Grupo de carcinomas de cólon.
MSH-2 (Instabilidade de Microsatélite) Grupo de carcinomas de cólon.
MSH-6 (Instabilidade de Microsatélite) Grupo de carcinomas de cólon.
MUC2 Carcinoma intestinal
MUC5A Carcinoma ovário
MUM-1 Fator de transcriçao para diferenciação plasmocitária; plasmocitoma; linfoma linfoplasmacítico.
c-MYC MYC, produto do oncogene, linfomas.
NAPSINA Adenocarcinoma de pulmão.
NEU-N Células ganglionares.
NEUROFILAMENTOS Neurônios e tumores neuronais.
OCT3-4 Seminoma; carcinoma embrionário.
P16inka Avaliação de neoplasia cervical intraepitelial (alto risco).
P40 Carcinoma de células escamosas
P5045(AMACR) Adenocarcinoma de próstata.
p53 Gene supressor tumoral hiperexpresso em grupo de neoplasias malignas.
p63 Carcinoma escamoso, urotelial, células basais da prostáta, células mioepiteliais.
PAP (Fosfatase ácida prostática) Carcinoma de próstata
PAX5 Proteína ativadora específica de célula B (BSAP); linfoma B.
PAX-8 Carcinoma de ovário (seroso, endometrioide).
PLAP (proteína placentária alcalina) Seminoma
PMS2 Instabilidade de microssatélite.
PODOPLANINA (D2-40) Mesotelioma; marcador de vasos linfáticos.
PROLACTINA Grupo de tumores de hipófise
PSA (Antígeno prostático específico) Carcinoma de prostáta.
PSAP Adenocarcinoma de prostáta.
PTEN Adenocarcinoma de endométrio.
PTH (Paratormônio) Tecido de paratireóide , adenoma e carcinoma de paratireóide.
RA (receptor de androgênio) Marcador prognóstico e preditivo para o câncer de prostáta.
RE (rector de estrogênio) Fator prognóstico/ preditivo para o câncer de mama e outros carcinomas.
RP (receptor de progesterona) Marcador prognóstico/preditivo em carcinomas de mama; miningiomas.
S-100 Melanoma Schwannoma; gliomas; células de Schwann, células de suporte neural, células de Langerhans.
SINAPTOFISINA Diferenciação neuroendócrina; neuroblastoma.
SOMATOSTATINA Grupo de tumores de células de ilhotas pancreáticas e outros tumores neuroendócrinos.
SOX11 Linfoma de células do manto
STAT6 Tumor fibroso solitário.
SURFACTANTE ApoA1 Adenocarcinoma de pulmão.
TdT Linfoma linfoblástico.
TFE-3 Carcinoma renal de translocação Xp11.2 e fusões do gene TFE3; sarcoma alveolar de partes moles.
TG (Tireoglobulina) Tumores foliculares tireóide.
TIMIDILATO SINTASE TIROSINASE Melanoma.
TLE-1 Sarcoma sinovial.
Trombomodulina (CD141) Mesotelioma.
TSH (Hormônio tireo-estimulante Grupo de tumores de hipófise.
TTF-1 (Fator de transcrição tireóidiano) Carcinomas de pulmão e tireóide.
UROPLAQUINA Carcinoma urotelial.
VEGF (Fator de crescimento de endotélio vascular) Marcador prognóstico/preditivo.
VILINA Subgrupo de adenocarcinomas, paticularmente os gastrintestinais.
VIMENTINA Sarcomas e linfomas; co-expressão com citoceratinas em alguns carcinomas(carcinoma de células renais e carcinomas endometriais).
WT-1 Produto de gene supressor de tumor; tumor desmoplásico de pequenas células redondas; mesotelioma e tumores epiteliais de superficie ovariana.
ZAP-70 Fator prognóstico em leucemia linfocítica crônica/linfoma linfocítico B de pequenas células bem diferenciado.